Agraer incentiva protagonismo feminino no campo por meio de acesso à terra e crédito do Pronaf

  • Geral
  • Paulo de Camargo Fernandes
  • 07/março/2017 10:18 am
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Campo Grande (MS) – O protagonismo feminino na agricultura familiar tem ganhado cada vez mais destaque em Mato Grosso do Sul e os números de acesso às políticas públicas são prova disso. De acordo com a Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), são  contabilizadas 8.404 ações desde entrada as linhas de crédito do Pronaf até atividades ligadas ao programa Leite Forte.

Gerente de Desenvolvimento Agrário e Abastecimento (GDA) da Agraer, Araquem Midon

“Já tivemos 5.019 elaborações de projetos para acesso ao Pronaf, sendo 1781 para linha de investimento e 3.238 para custeio, ou seja, são mais de 5 mil projetos que trarão dinheiro para que a própria mulher gaste em benefício da propriedade rural”, afirma o gerente de Desenvolvimento Agrário e Abastecimento (GDA), Araquem Midon, que na ocasião representou o diretor-presidente Enelvo Felini.

Os números foram divulgados, nesta segunda-feira (6), durante o lançamento da campanha “O protagonismo da mulher sul-mato-grossense: empoderamento e empreendedorismo”, organizado Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres, vinculada à Sedhast, órgão do governo do Estado. A ação é uma alusão ao Dia da Mulher, celebrado na próxima quarta-feira (8 de Março).

Além do crescente aumento de acesso as linhas do Pronaf, a mulher do campo tem estado a frente também da gerência da terra, conforme dados estaduais referente ao Programa Nacional de Crédito Fundiário. “Só em termos de propriedades são dois mil lotes nas mãos das mulheres. Trabalhadoras, mulheres, mães e filhas que muitas vezes exercem sozinhas o papel de chefe de família e na Agraer o auxílio necessário para ter o seu espaço, a terra que trará o sustento dela e da família. Inclusive, o próprio setor na Agraer conta com a competência e liderança de uma mulher, a servidora Tânia Regina Minussi”, destacou Araquem.

“Pelo Crédito da Reforma Agrária, apoio ao Fomento Mulher [Chamadas Públicas do Incra], são 1.245 projetos elaborados e pelo Programa de Apoio a Pecuária Leiteira [Leite Forte] são 140. Este ano nós vamos continuar com o trabalho para dar continuidade ao crescimento das ações e para que a mulher continue tendo destaque na atual gestão”, enfatizou Araquem.

Crescimento esse que tem como grande aliada a Sedhast, frizou o gerente da GDA. “Quando a subsecretária Luciana Azambuja procurou a Agraer para promover ações que destacasse junto à assistência social o papel da mulher na agricultura familiar foi um ganho. Começamos algumas ações e como costumo dizer, a mulher é o pilar da sustentabilidade da pequena propriedade. Enquanto o homem, geralmente, foca em um único eixo da produção, o leite, por exemplo, cabe a mulher a capacidade de ampliar a visão. Ela busca não só cuidar da casa, mas cuida das criações de animais, produz os pães e tantos outros produtos para trazer maior lucratividade”.

Um caso de sucesso como esse foi mostrado aos participantes do evento. A apicultora Maria de Fátima Braz que junto com o esposo, Nicanor Ramos, e as filhas produzem dois saborosos e interessantes produtos: o hidromel, bebida alcoólica a base de mel, e o molho de mel com pimenta. Este último é uma invenção do casal, cuja receita segue em tramitação para ser patenteada.

Apicultora Maria de Fátima Braz

Satisfeita com o convite para o lançamento da campanha estadual, Fátima coleciona outros reconhecimentos em seu currículo, como o prêmio “Sebrae Mulher Empreendedora”, conquistado em 2014. “É sempre uma surpresa boa participar de eventos deste tipo. Se, no Brasil, a agricultura familiar não ganhou o papel merecido, ainda, há um caminho a ser percorrido. Para a mulher da agricultura familiar o desafio é muito maior. Você falar da mulher seja do campo ou da cidade é sempre uma forma de dar voz ao público feminino e fazer todo mundo pensar sobre a igualdade de direitos”, afirmou a apicultora.

A campanha “O protagonismo da mulher sul-mato-grossense: empoderamento e empreendedorismo”, contou com a participação de importantes figuras públicas femininas, entre elas a subsecretária Luciana Azambuja, a primeira-dama do Estado, Fátima Azambuja, e a vice-governadora Rose Modesto, além das autoridades locais e mulheres relacionadas aos programas estaduais de atenção a mulher sul-mato-grossense.

Confira fotos do lançamento da campanha na galeria de imagens.

Texto: Aline Lira/ Fotos: Néia Maceno

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.