Funtrab há cerca de 40 anos prioriza o trabalhador em Mato Grosso do Sul

  • Emprego
  • 28/abril/2017 3:15 pm
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Campo Grande (MS) – A Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab) atua há cerda de 40 anos com prestação de serviços aos trabalhadores no Estado. Começou com uma agência na capital e hoje são 31 no Estado. No início era chamada de SINE, e já esteve localizada nas ruas Rui Barbosa, Barão do Rio Branco e em outras 11 localidades. E, há dois anos, está localiza á rua 13 de maio, nº 2.773, o local foi escolhido pelo Governo do Estado, por ter uma localização estratégica, de fácil acesso, do qual beneficia os trabalhadores.

Em todos esses anos a Funtrab ajudou diversas pessoas, somente no primeiro semestre deste ano foram 114.378 pessoas que passaram pelas 31 agências da Fundação, na Capital foram 37.311 atendimentos, em Dourados são 11.658, Nova Andradina com 8.010 e Três Lagoas foram 9.899. A maioria das pessoas busca ajuda, pois estão em um período de dificuldades e desempregadas.

A operadora de Call Center, Bianca Neves, buscou uma vaga de emprego na sede da Funtrab, e está empregada há um ano em uma grande empresa, “foi por meio da Funtrab que consegui meu emprego, as atendentes são muito atenciosas e já sai com a carta de encaminhamento para a empresa que trabalho, para mim é uma vitória”, declarou.

Por conta da vulnerabilidade que os trabalhadores chegam até as agências de empregos, os atendentes recebem capacitações e treinamentos constantes, de acordo com Maria Regina da Rosa, assistente social da Funtrab, “os atendimentos são feitos de forma humanizada, com educação e com pensamento positivo, e ainda há uma busca minuciosa no sistema operacional para averiguar se há vaga no perfil do trabalhador”, declarou.

A contabilista Rosilene Maia, também procurou a Funtrab em busca de uma oportunidade de trabalho, após terminar a graduação de contabilidade e com algumas tentativas frustradas na busca por emprego no município de Rio Negro, resolveu tentar a sorte na capital. De início se deparou com algumas dificuldades, dentre elas: a maior parte da família e amigos ficou no interior, e não tinha experiência na função, com isso era mais uma na busca por oportunidade.

De acordo com Maia “é uma experiência que não esqueço, fui bem atendida pelos servidores públicos, que me deram uma carta de encaminhamento para eu me apresentar na empresa, daí em diante foi só sucesso, estou trabalhando na minha área e em uma grande bem conceituada empresa no MS ”, ressalta.

Texto e foto: Magna Melo – Fundação do Trabalho de MS (Funtrab)

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.