Governo destaca diálogo para fortalecer os pequenos negócios com ações estratégicas

  • Geral
  • 16/setembro/2015 8:13 am
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Coxim (MS) – Durante a abertura da segunda edição da Rota do Desenvolvimento, realizada em Coxim, o secretário-adjunto da Semade, Ricardo Senna, destacou, com a palestra “A Força dos Pequenos Negócios na Região Norte” as oportunidades de crescimento e o fortalecimento do diálogo entre o setor produtivo e o poder público.

“O Programa de Apoio aos Pequenos Negócios (Propeq) é uma iniciativa inédita no Mato Grosso do Sul, na qual o governo do Estado criou uma política específica para os pequenos negócios. Buscamos atrair pequenas empresas para os municípios. A política do Propeq é um reconhecimento de que temos dentro dos próprios municípios elementos para fortalecer os pequenos negócios” destacou Senna durante a palestra, que contou com a presença do governador Reinaldo Azambuja, secretários de Estado e parlamentares.

“A força dos pequenos negócios movem a economia e promovem um grande leque de oportunidades para as famílias e para os municípios. Todo o movimento da Rota do Desenvolvimento traz novas oportunidades para os municípios. Temos que pensar como gerar oportunidades com a dinâmica local e promover a competitividade dos pequenos negócios” afirmou Senna.

“As crises são cíclicas. Precisamos encontrar alternativas para vencê-las e a Rota do Desenvolvimento é uma alternativa para contornar a crise econômica. Estamos indo para as regiões para ouvir prefeitos e empresários e criar mecanismos de emparceiramento para construir uma proposta de desenvolvimento que efetivamente transforme a realidade das economias locais. É um diálogo que fortalecerá as regiões do Estado” disse.

Os pequenos negócios são responsáveis por 44% dos empregos gerados no Estado e mais de 30% da massa salarial do Estado. “O dinamismo econômico está a nosso favor, como demonstram os números e temos que aproveitar estas oportunidades. Precisamos ter um olhar voltado para as micro e pequenas empresas. As prefeituras devem começar a amparar os pequenos negócios e comprar do pequeno também. O Propeq está atuando com 10 projetos e um deles é a Lei Geral Estadual da Micro e Pequena Empresa. Vamos fortalecer a compra dos pequenos dentro do Governo do Estado” afirmou o secretário-adjunto da Semade.

O PIB da região Norte é de R$ 3,4 bilhões e a renda per capita média é de R$ 23.642,07. O foco é na agropecuária, produção de grãos e cana de açúcar.

Bóris Verbisck, da Assessoria de Comunicação da Semade.

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.