MS Saúde: 21 municípios já iniciaram procedimentos para reduzir filas no Estado

  • Saúde
  • Natalia Yahn
  • 19/agosto/2023 8:05 am
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

O Projeto ‘MS Saúde: Mais Saúde, Menos Filas’ já está presente em 21 municípios sul-mato-grossenses do Estado. Com isso, o projeto avança e leva atendimento de qualidade a diversos pacientes de Mato Grosso do Sul. Já foram realizados diversos procedimentos cirúrgicos nas especialidades: cirurgia geral, oftalmológica, vascular, ortopédica, otorrinolaringologia, urológica e ginecológica.

Para a superintendente de Gestão Estratégica da SES (Secretaria de Estado de Saúde) e coordenadora do MS Saúde, Maria Angélica Benetasso, o projeto segue avançando em todo o Estado. “Nós estamos com o projeto acontecendo em diversos municípios, nesta semana, já passamos por Sidrolândia, Camapuã, Miranda, Bonito e Rio Brilhante municípios sedes que estão atendendo pacientes de outras regiões do Estado. O atendimento acontece de forma rápida, com qualidade e com o atendimento humanizado”.

Conforme o balanço realizado no mês de julho (período de 8 a 31 de julho), a SES registrou 1.402 consultas de pré-operatório agendadas, destas, 960 compareceram e 442 faltaram. Do total de comparecimento, 240 receberam indicação cirúrgica para diversos procedimentos e 159 já foram executadas em diversas especialidades.

Maria Angélica ressalta quanto ao índice de absenteísmo, referente as pessoas faltantes. “Nós temos registrado que algumas pessoas não têm comparecido nas consultas por alguma razão. Por isso, a importância da atualização cadastral do cartão do SUS, com endereço e número de telefone em uma unidade de saúde ou secretaria municipal de saúde”.

Quanto aos exames com finalidade diagnóstica, o ‘Projeto MS Saúde: Mais Saúde, Menos Fila’ se prepara para começar a executar os procedimentos já nas próximas semanas. Os exames de alta complexidades serão realizados no município de Campo Grande, com agendamento previsto para o Hospital do Pênfigo, com 42 agendamentos programados para ecocardiografia transtorácica; a Santa Casa já registra com 61 exames de ressonância magnética; já o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul tem a previsão para a execução de exames de cateterismo, eletroneuromiografia e endoscopia.

Aquidauana, Bataguassú, Bonito, Camapuã, Campo Grande, Caarapó, Cassilândia, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Fátima do Sul, Itaporã, Jardim, Maracajú, Miranda, Paranaíba, Rio Brilhante, Santa Rita Do Pardo, Sidrolândia, Sonora E Três Lagoas. Data registrada até 18 de agosto de 2023.

Projeto MS Saúde

Para o Ano I do Projeto MS Saúde, 38 estabelecimentos de Saúde de 32 municípios fizeram a adesão ao programa para a realização de cirurgias eletivas. E mais 34 estabelecimentos de saúde de 19 municípios fizeram a adesão para a realização de exames com a finalidade diagnóstica. Com recurso federal, há 22 estabelecimentos de saúde de 20 municípios que estão credenciados para a realização de cirurgia eletiva.

O Projeto MS Saúde prevê que prefeituras e estabelecimentos de saúde estabeleçam convênios que vão garantir a realização de 15 mil cirurgias eletivas em diversas especialidades, entre elas: oftalmologia, otorrinolaringologia, cirurgia vascular, cirurgia geral e ortopedia.

Também estão previstas a realização de 42,5 mil exames diagnósticos como ressonância magnética com contraste, ressonância magnética (sedação), tomografia computadorizada, endoscopia, densitometria, colonoscopia, holter 24 horas, cintilografia, entre outros.

Ao todo serão ofertados 136 tipos de procedimentos cirúrgicos e 74 tipos de exames com finalidade diagnóstica, incluindo procedimentos com sedação. Além de oferecer modelo de financiamento diferenciado, com incentivo estadual exclusivo, incluindo aporte financeiro para órteses/próteses.

O Governo do Estado disponibilizou R$ 45 milhões de recursos próprios e R$ 7,9 milhões de recursos federais para atender à população.

Rodson Lima, SES

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.