Parceria vai garantir aulas de reforço de matemática a estudantes da rede estadual de ensino

  • Educação
  • lgomes
  • 14/setembro/2023 8:32 am
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

A Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do MS), a Fadeb (Fundação de Apoio e Desenvolvimento da Educação Básica de MS) e a SED (Secretaria de Estado de Educação) assinaram na última quarta-feira (13) um convênio para a execução do Plano de Recomposição das Aprendizagens por Tutoria.

A parceria vai garantir investimentos de R$ 498 mil para que estudantes de escolas públicas tenham reforço no ensino de matemática. A iniciativa beneficia alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental e do 3º ano do ensino médio da Rede Estadual de Ensino. 

O convênio assegura bolsas para que tutores deem as aulas de reforço. No total serão distribuídas até 207 bolsas para estudantes universitários que ficarão responsáveis por realizar as atividades de tutoria. Os valores pagos variam de acordo com o número de turmas assumidas e a atividade desenvolvida pelo bolsista (tutor ou coordenador) podendo chegar a até R$ 1,2 mil.

“A Fundect trabalha para transformar a vida das pessoas. As crianças que tiveram déficit de aprendizagem por conta dos problemas que enfrentamos na pandemia terão a chance de recuperar o conteúdo perdido. Isso é muito importante para o futuro do Estado, pois estamos formando jovens que serão fundamentais para o nosso desenvolvimento”, explica Márcio de Araújo Pereira, diretor-presidente da Fundect.

Pela Fadeb, assinou o convênio a presidente da Fundação, Maria Cecilia Amendola da Motta. Segundo ela, este é um dos primeiros projetos idealizados pela entidade. “Quero agradecer a Fundect por viabilizar as bolsas. A Fadeb está aí para atender as escolas públicas e esse trabalho foi o primeiro que pensamos para ajudar nossos jovens a recompor o aprendizado, a superar os problemas com a matemática que se agravaram durante a pandemia”, esclareceu. 

O secretário de Educação, Hélio Daher, explicou que a parceria entre as fundações e a Secretaria representa a boa articulação que os órgãos do Estado estão realizando em prol da população. “É uma das características dessa nova gestão termos todos o mesmo objetivo e trabalhar articulados. Cada criança que a gente ajuda é uma criança que a gente salva das dificuldades”, completou. 

O convênio terá vigência de 12 meses e será realizado um processo seletivo para os interessados em participar como tutores.

Texto e Foto: Paulo Ricardo Gomes

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.