Projeto da Agepen que transforma pneus em parques beneficia escola infantil de Anhanduí

  • Agepen
  • nrodrigues
  • 14/junho/2023 5:09 am
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Parque de pneus feito com mão de obra de detentos da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande agora está servindo de estímulo ao aprendizado e para momentos de diversão de crianças que estudam no distrito de Anhanduí, a 60 quilômetros da capital. A iniciativa integra o projeto “Arte com Pneus”, desenvolvido pela Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) em parceria com a Semed (Secretaria Municipal de Educação).

A Emei (Escola Municipal de Educação Infantil) “Professor Alberto Guilherme Batistoti”, única do distrito, atende a um total de 60 alunos de zero a quatro anos. “Foi uma alegria para as crianças e ajuda no desenvolvimento delas, no subir, no correr no pular e elas amaram. Para elas, é uma novidade enorme”, agradeceu a diretora da Emei, Cleia Rezende, durante a solenidade de entrega oficial, realizada na última quarta-feira (7.6).

Josi Selma de Oliveira da Silva tem um filho atendido na Emei e fez questão de participar da solenidade de inauguração do parque. Ela parabenizou a ocupação da mão de obra prisional em benefício dos pequenos. “É mais uma oportunidade para esses detentos, pois estão sendo úteis, muito mais ainda porque estão contribuindo para a felicidade dos nossos filhos. E se estão fazendo isso, é porque têm pessoas que estão possibilitando”, elogiou, referindo-se aos profissionais da Agepen e da Semed envolvidos no projeto.

Representando a direção da Agepen, a chefe da Divisão do Trabalho Prisional, Elaine Cristina Alencar, reforçou a importância da educação e o trabalho da equipe de professores e assistentes que atuam nas emeis. A dirigente também reforçou que a agência penitenciária atua “com muito cuidado e carinho em prol de ações sociais que beneficiam a população”.

Fazendo a diferença

Com mais de 5,8 mil alunos já beneficiados, em 21 escolas infantis, o Arte com Pneus foi iniciado em 2017, com o objetivo oferecer mais opções de recreação e aprendizado aos alunos, já que as peças também são utilizadas para incrementar o conteúdo pedagógico das unidades, além de minimizar o impacto ambiental através do reaproveitamento da matéria prima, já tendo sido retirados do meio ambiente mais de 8,1 mil pneus em desuso desde seu início.

O projeto foi idealizado e é coordenado pelo policial penal Vinícius Saraiva de Oliveira e pelo técnico da Semed, Felipe Augusto da Costa. A escolha da unidade beneficiada é feita pela Secretaria Municipal de Educação, em atendimento a uma lista de espera cadastrada de instituições interessadas. A mão de obra e os pneus são fornecidos pela Agepen, já as escolas ficam responsáveis pelos insumos, como tintas e parafusos, necessários à confecção.

Keila Oliveira, Agepen

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.