Reinaldo inaugura duas escolas em Dourados e reforça educação pública com cerca de mil novas vagas

  • Educação
  • Paulo de Camargo Fernandes
  • 03/abril/2017 2:32 pm
  • Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Dourados (MS) – Mantendo a educação como uma das prioridades em sua gestão, o governador Reinaldo Azambuja inaugurou nesta segunda-feira (3) duas escolas estaduais no município de Dourados: a Escola Estadual Joaquim Vaz de Oliveira, no distrito de Indápolis, e a Escola Estadual Rita Angelina Barbosa Silveira, no bairro Vila Roma II. Somados, os investimentos chegam a quase R$ 8 milhões. As unidades reforçam a educação pública no município, com a abertura de cerca de mil novas vagas.

“A educação é uma das nossas prioridades e para nossa gestão é muito importante investir na melhoria das estruturas e na qualidade do ensino. Entendemos que uma sala de aula mais moderna, com mais recursos dá melhores condições de estudo aos nossos alunos e de trabalho aos professores e toda equipe da comunidade escolar, que são as coordenadoras, merendeiras, entre outras. Inauguramos hoje também uma escola de tempo integral do programa Escola de Autoria, porque entendemos que só por meio da educação poderemos melhorar a qualidade de vida no nosso país”, frisou o governador.

As obras são frutos de ação parlamentar do deputado federal Geraldo Resende junto ao Ministério da Educação. As obras foram iniciadas em 2014 e estão sendo entregues na gestão de Azambuja por meio do Programa Obra Inacabada Zero. “A concretização dessas escolas é fruto de uma conjugação de esforços e do compromisso do governador Reinaldo com a nossa população. Só temos a agradecer”, pontuou Geraldo.

Em seu discurso, a prefeita Délia Razuk falou aos pais e alunos sobre a responsabilidade que as novas escolas trazem junto com elas, no sentido de levar mais qualidade de ensino aos estudantes e, no caso da escola de tempo integral, de servir de modelo para implantação de futuras escolas na mesma modalidade.

A diretora da escola Joaquim Vaz, Marilda Azevedo de Souza, destacou o apoio do governo à educação dos jovens e agradeceu aos pais de alunos presentes a confiança na equipe. A diretora da escola Rita Angelina , Selma de Lima, agradeceu as autoridades presentes a oportunidade de Dourados estar recebendo a primeira escola em tempo integral dizendo que ações como essa, executada em parceria da união, estado e município, fazem parte da boa política.

Escolas

A Escola Estadual Joaquim Vaz de Oliveira recebeu um total de R$ 3.947.596,75 de recursos oriundos do governo federal e contrapartida do Estado. Já a Escola Estadual Rita Angelina Barbosa Silveira, envolveu um total de R$ 3.959.375,11 de investimentos do governo do Estado e da União. Modelo padrão de edificação, as unidades possuem 13 salas de aula, sala de recursos e quadra de esportes coberta, com capacidade para atender mais de 450 estudantes do ensino médio.

Tempo Integral

Em todo Estado, as escolas em tempo integral estão atendendo quatro mil estudantes. Segundo a secretária de Estado de Educação, Maria Cecília da Motta, o programa adotado em Mato Grosso do Sul segue modelo implantado desde 2002 no Estado de Pernambuco. O objetivo é reduzir o índice de abandono e aumentar a aprovação dos estudantes no ensino médio da rede pública estadual. A proposta amplia para nove horas o tempo de permanência dos jovens na escola. As escolas de tempo de integral estão disponíveis nos municípios de Campo Grande, Dourados, Corumbá, Maracaju e Naviraí.

"Estamos chamando este modelo de Escola da Autoria porque o objetivo é estimular o protagonismo juvenil em uma educação pautada no jovem e seu projeto de vida, que incentive as publicações de alunos e professores" afirma a secretária.

Estudantes que prestigiaram a solenidade de inauguração da escola integral.

Atendimento de autismo

Durante a inauguração da escola Rita Angelina, Geraldo Resende entregou o projeto arquitetônico ao governador para a construção do Centro de Referência no Atendimento de Autismo de Dourados. A obra atende indicação do deputado que viabilizou recursos federais no mesmo valor, por meio de emenda parlamentar, para a reforma, ampliação e compra de equipamentos para o Hemocentro de Dourados.

Cumprindo o compromisso de que a cada real de emenda parlamentar investido na saúde do Estado, o mesmo valor seria garantido em contrapartida, o governador vai destinar R$ 800 mil para a construção. O projeto será encaminhado à Agência Estadual de Gestão e Empreendimentos (Agesul). O centro é vinculado à Associação dos Amigos dos Autistas da Grande Dourados (AAGD), será construído em uma área doada pela prefeitura, no bairro Terra Roxa.

Confira mais fotos nas galerias: Escola Estadual Joaquim Vaz de Oliveira e Escola Estadual Rita Angelina Barbosa Oliveira.

Diana Gaúna - Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Chico Ribeiro

Veja Também
Últimas Notícias

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.